Data de Hoje
16 May 2021
Foto: Reprodução/ Rede Record

Adolescente mata padrasto a tiros para defender mãe em GO

Garoto de 15 anos flagrou homem espancado a mulher dentro de casa e atirou sete vezes.

Um adolescente de 15 anos matou o padrasto a tiros dentro de casa em Valparaíso de Goiás, distante 188 km de Goiânia (GO), para defender a mãe. A mulher havia sido espancada por horas pelo marido, que era policial militar.

O policial militar Sidney Barbosa de Abreu, de 43 anos, e Nadir Lopes de Abreu, de 32, foram casados por 11 anos. Os dois tinham duas filhas, de cinco e nove anos.

Nadir já tinha um filho de 15 anos de um relacionamento anterior. O garoto e o PM tinham uma relação de pai e filho. Há quatro anos, Abreu começou a beber e ficou violento, quase sempre na frente dos filhos.

Nadir chegou a denunciar o marido e registrar boletim de ocorrência. Logo depois, ela saiu de casa. Porém, o PM encontrou seu endereço e pediu que os dois reatassem o casamento. O pedido foi aceito.

Dias depois, o PM voltou a agredir a mulher. Durante horas, ele bateu em Nadir, que ficou bastante debilitada. O filho mais velho de Nadir chegou em casa por volta das 12h e flagrou a cena. Segundo uma vizinha, o garoto já havia tirado o padrasto duas vezes de cima da mãe.

Na terceira vez, o adolescente pegou a arma do policial militar, que ficava em cima da geladeira, e disparou sete vezes. Quatro tiros atingiram Abreu, que não resistiu aos ferimentos. O adolescente foi apreendido.

Por R7
Facebook Comments