Data de Hoje
23 October 2021

Advogado da patroa que agrediu babá diz que ela tem transtorno psicológico

Foto: Reprodução/ TV Bahia |

VARELA NOTICIAS

 

O advogado de defesa de Melina Esteves, patroa que agrediu uma babá, no bairro do Imbuí, em Salvador, disse em entrevista à TV que ela sofre de Borderlino, transtorno psicológico caracterizado pela mudança de humor. Marcelo Cunha, que assumiu o caso há poucos dias, disse que as agressões foram fruto da “proteção materna”.

“As agressões são nítidas porque os vídeos estão aí. As agressões surgiram por proteção materna. É o primeiro item, proteção materna. Além das outras babás que passaram recentemente, que maltrataram também, isso inclusive já é objeto, talvez a mídia não saiba, de outros inquéritos denunciados pela Melina na 9ª delegacia, lá na Boca do Rio”, disse.

O advogado disse que as trigêmeas de Melina foram maltratadas por outras babás e que Raiana Ribeiro, a babá que pulou do terceiro andar para fugir das agressões da patroa, também teria agredido uma das crianças. “Ah, doutor Marcelo, mas isso justifica uma agressão? Eu estou somando as duas situações, vou repetir: a proteção materna, qualquer mãe faria igual ou pior, não estou aqui justificando; e, segundo, a intensidade”, disse.

Raiana Ribeiro disse que as agressões vindas da patroa eram constantes e aconteciam por qualquer coisa. “Foi muita porrada mesmo, era todo dia. É assim…qualquer coisa que eu fizesse ela espancava, qualquer um erro. Por exemplo: eu não brinquei com as meninas. Ela batia, ela ficava dizendo que eu derrubei as meninas, sendo que eu nunca derrubei a menina, ela caiu sozinha e ela [Melina] disse que eu botei o pé. A hora que ela tivesse com vontade de bater ela batia”, disse.

O caso segue sendo investigado pela Polícia Cívil.

Facebook Comments