Data de Hoje
25 February 2021

Alerta! Golpes com Auxílio Emergencial de R$ 600 buscam novas vítimas

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) chama atenção para diversos golpes relacionados ao auxílio emergencial de R$ 600 que circulam no país.

Segundo a associação dos bancos, diversos aplicativos falsos relacionados ao benefício do governo federal foram criados com o intuito de atrair cidadãos desavisados. Os golpistas se aproveitam da necessidade das pessoas se cadastrarem no app da Caixa para receber o benefício para roubar a informações sigilosas.

Ainda de acordo com a associação dos bancos, a mistura de medo da doença e a confusão trazida pelo excesso de fontes de informação criam o ambiente perfeito para a ação dos golpistas.

A Febraban reforça a importância de manter uma postura vigilante para evitar cair em um desses golpes.

Quem tiver alguma dúvida sobre a veracidade de uma mensagem ou conteúdo, deve interromper a operação e entrar em contato com o SAC do prestador do serviço ou vendedor do produto para confirmar se aquilo é real.

Orientações

Para reduzir os riscos de ser vítima de golpistas, a Febraban destaca as seguintes orientações:

 

O site oficial para se cadastrar para receber o auxílio emergencial é  auxilio.caixa.gov.br;

O cadastramento para receber o auxílio emergencial também pode ser realizado pelo app especifico da Caixa, que deve ser baixado apenas na loja oficial de aplicativos do sistema operacional do seu dispositivo (Android e iOs)

Não repasse seus dados para nenhuma pessoa intermediar a concessão do auxílio emergencial. Apenas a Caixa avalia e confirma quem é elegível ao benefício e eles não procuram as pessoas ou usam serviços de terceiros

Sempre baixar qualquer aplicativo apenas da loja oficial do sistema operacional do seu dispositivo;

O banco não liga nem encaminha links por SMS, WhatsApp ou e-mail pedindo atualização dos dados, sincronização de token ou desbloqueio de cartão;

Não clique em nenhum link. Digite, no navegador, o endereço eletrônico do banco ou da loja em que pretende realizar a transação ou compra;

O banco não entra em contato para pedir cadastro de favorecido, transferências, transações para testes ou estorno de valores nem desbloqueio de cartão;

O banco não entra em contato para dizer que sua conta será bloqueada por falta de atualização cadastral;

Também não envia ninguém em sua casa para retirar seu cartão, notebook, computador, tablet, celular ou o chip dele como também não entra em contato para pedir atualização ou sincronismo de token;

Fique atento a links encurtados e desconhecidos por sms ou e-mail. Não clique nem informe seus dados.

Com informações de Exame

Facebook Comments