Data de Hoje
9 December 2021

Andressa Urach revela que cobrava R$15mil por 2h de sexo e conta caso com Cristiano Ronaldo

  IMAGEM_NOTICIA_5

Fotos: Reprodução

Andressa Urach decidiu que não iria mais esconder o seu passado e lançou um livro sobre a sua vida. Em “Morri para viver- Meu submundo de fama, drogas e prostituição”, a apresentadora conta detalhes da vida como prostituta de luxo e diz que teve entre seus clientes homens ricos e famosos. O jornal britânico “Daily Mail” teve acesso a trechos da publicação.

Sobre o vício por fama e dinheiro, ela disse que se humilhou em busca de resultados. “Eu transformei meu corpo em uma peça barata de merchandise. Eu abri minha intimidade para centenas ou até milhares de homens nos meus 27 anos de vida. Protagonizei as cenas mais humilhantes para qualquer ser humano. Eu encontrei satisfação em infligir e receber dor em atos sexuais. Eu estava obcecada com o prazer em ser submissa e joguei fora minha honra como um pedaço de lixo”, contou. “Aceitei fazer parte de orgias só para ficar próxima de pessoas famosas, achando que eles me ajudariam a pular vários degraus na vida. Cantores, homens de negócios, jogadores de futebol… Nada me impediu nos meus esforços de me tornar rica. Eu fiz tudo por fama e dinheiro, era meu objetivo”, disse.

A partir daí, Andressa passa a relatar casos de prostituição, dizendo que passou a ser famosa na profissão que exercia. “Eu me tornei, infelizmente, uma das prostitutas mais desejadas e caras do Brasil. Eu fazia presença em casas noturnas. Se tivesse um cliente interessado em me pagar para ter sexo, o negócio era feito ali com o gerente da boate. Tudo era autorizado por mim. Eu dava um sim ou não para cada proposta antes de fechar o negócio. Eu cobrava R$ 15 mil. Mas tinha uma regra rígida. Jantar, fotos ou vídeos não eram permitidos. Eu ficava apenas duas horas dentro do quarto de hotel e o pagamento tinha de ser feito antes do ato sexual”, especifica.

2015-03-02-andressa-urach

Um dos casos em que ela esteve envolvida foi em uma polêmica com o jogador do Real Madrid Cristiano Ronaldo. Ela detalhou o fato na publicação.  “No dia 19 de março de 2013, Andressa diz ter recebido uma ligação do jogador Cristiano Ronaldo. “’Você é realmente a Miss Bumbum do Brasil?’, ele perguntou.  ‘Você tem o bumbum mais bonito e eu gosto de bundas’. Eu não conseguia acreditar que tinha a chance de ter um encontro romântico com um dos principais jogadores de futebol do mundo. Eu não queria saber de ser paga nessa viagem. Eu pensei que nenhum dinheiro pagaria o sucesso de estar ao lado de Cristiano Ronaldo”, disse.

Dando continuidade, Urach falou que um mês após a conversa, Andressa foi para Madri encontrar o craque numa suíte que custava 12 mil euros a noite no Villa Magna Hotel. “Eu estava no elevador privativo da suíte e meu coração parou quando a porta se abriu. Era ele: Cristiano Ronaldo. Sorrindo, ele me convidou para entrar e nós conversamos rapidamente sobre o que iria acontecer. Então, ele me agarrou e nós tivemos uma relação sexual bem intensa. Ao contrário do que se possa imaginar, o jogador era um pouco agressivo na cama. Passamos menos de uma hora no quarto”, diz. Andressa ainda conta que não tinha intenção de que seu encontro virasse público, mas queria uma foto com ele para se promover no Brasil. Ao perguntar para ele, se ela poderia tirar uma foto como fã, ele respondeu que poderiam tirar a foto, mas não no quarto. “Me mandou descer e esperar no lobby do hotel”, conta.

380x285xcris,283,29.jpg.pagespeed.ic.sjOuICRmQx

Só que as coisas não teriam acontecido com a modelo esperava e, por essa razão, ela teria ido à imprensa. “Eu esperei no estacionamento por 40 minutos até um funcionário do hotel me informar que ele já tinha ido embora. Quando peguei o elevador para ir embora, outro funcionário me pegou pelo braço e pediu: ‘Suba. Cristiano está mandando você subir’. Sem reação, eu voltei para o mesmo quarto, que dessa vez estava vazio. Eles me trancaram lá por três ou quatro horas. Angustiada, eu liguei para meu agente para pedir ajuda. Assim que estava livre, a única coisa que pensei foi em desejo de vingança”, disse ela, que contou a história a um tabloide inglês. Segundo Andressa, o jogador ligou para ela e disse: “Eu juro que a justiça será feita, sua piranha. Vou mandar pessoas atrás de você. Você não me conhece e vai ver do que sou capaz”, escreveu.

Durante a publicação, Andressa contou ainda que começou a se prostituir após se separar do pai do filho dela, aos 21 anos. Uma prima, que trabalhava como dançarina em uma casa noturna em Porto Alegre, a levou para lá e, logo, ela se tornou uma das melhores do local: “Eu fazia loucuras na cama. Eu gritava e beijava muito, o que era raro entre as prostitutas. Eu fazia tudo que as outras meninas não faziam. Com o tempo e o ‘boca a boca’, meu nome virou um dos principais na prostituição do país. Eu passei a ganhar de R$ 400 a R$ 3 mil. Eu cheguei a ganhar R$ 30 mil reais por mês, trabalhando de segunda a sábado. Eu transava com sete homens em um dia. Eu desenvolvi um estranho meio de sobrevivência. Eu não sentia e pensava em nada. Eu me fiz uma pessoa vazia. Não lembrava o rosto dos homens. Quando chegava em casa, esquecia tudo que aconteceu na noite anterior como se fosse uma atriz de novela”, finalizou.

Por: Bahia Notícias 

Facebook Comments