Data de Hoje
2 December 2021

Após acordo, médicos da UPA de Escada decidem encerrar greve

Após 47 dias em greve, os médicos da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro de Escada, no subúrbio ferroviário de Salvador, decidiram retomar as atividades nesta quarta-feira (26). De acordo com o presidente do Sindicato dos Médicos da Bahia (Sidimed), Francisco Magalhães, um acordo na Justiça do Trabalho entre os médicos e a empresa que administra a unidade de saúde foi responsável pelo fim da paralisação. Segundo o G1, entre os pontos acordados, foi definido que 48 profissionais que atuam na UPA terão aumento salarial de 8,34%. “A empresa também se comprometeu em assinar as carteiras dos médicos e vai atender as reivindicações relacionada às condições de trabalho, que eram bastante precárias. Além disso, também ficou definido que haverá recomposição através de pagamento  por causa dos dias parados”, afirmou Magalhães. Umaaudiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT-BA) estava marcada para o dia 1º de setembro para solucionar a greve.

Por: BN

Facebook Comments