Data de Hoje
1 March 2024

Após tiroteio em Paris, mais de 100 pessoas são mantidas reféns, diz jornal

Paris sofreu pelo menos três ataques na noite de hoje

Pelo menos 100 pessoas estão sendo mantidas reféns em uma casa de shows em Paris na noite desta sexta-feira (13), segundo informações do jornal The Guardian. Uma banda de metal fazia apresentação no Bataclan e há vários mortos nas imediações, segundo jornalistas. Os números exatos ainda não foram confirmados pela polícia.

Paris sofreu pelo menos três ataques na noite de hoje. Além do Bataclan, um restaurante no 11º arrondissement também foi alvo de um ataque, depois que um homem armado entrou atirando. Já do lado de fora do Stade de France, onde jogavam França e Alemanha, explosões foram ouvidas. O presidente François Hollande foi retirado rapidamente durante o segundo tempo por medo de um atentado.

Um homem armado invadiu um restaurante no 11º arrondissement de Paris, deixando mortos e feridos. O suspeito teria invadido o local armado e matado várias pessoas. A área do primeiro tiroteio é próxima à Praça da República, área muito movimentada de Paris. Outro ponto de tiroteios foi na casa de shows Bataclan, onde se apresentava a banda Eagles of the Death Metal.  Segundo agências de notícias, mais de 100 pessoas são feitas reféns no local.

Já do lado de fora do Stade de France, onde acontecia um amistoso, foram ouvidas explosões. O presidente François Hollande, que estava no estádio, foi retirado do local. O político deixou o estádio durante o segundo tempo do amistoso por uma questão de segurança. Um vine de uma cena da partida permite ouvir explosões do lado de fora do estádio.