Data de Hoje
18 May 2022
1 Ano de funcionamento do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) Fotos: Bruno Ricci/Secom

Após três meses, Guarda municipal acusado de matar ex-dançarino é preso

O outro acusado já estava sob custodia; os dois são apontados como responsáveis pela morte de Ricardo Luiz Silva da Fonseca, que ocorreu no Coliseu do Forró

Quase três meses após a confusão que resultou na morte do ex-dançarino Marcelo Tosta dos Santos, de 37 anos, o guarda municipal Ricardo Luiz Silva da Fonseca, de 36 anos, acusado de envolvimento no crime, teve o mandado de prisão preventiva cumprido, na sexta-feira (24). A informação foi divulgada nesta sábado (25).

Conforme o delegado José Bezerra, diretor do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Ricardo se apresentou à Guarda Municipal, na noite de sexta(24), e foi conduzido ao departamento depois de contato entre as instituições.

O guarda estava foragido desde dezembro de 2016, quando teve a prisão decretada pela Justiça. O outro acusado, o também guarda municipal Nailton Adorno do Espírito Santo, já estava sob custodia.

 

 

Facebook Comments