Data de Hoje
12 May 2021

Ato contra gastos na Copa será acompanhado pela polícia

Uma manifestação convocada pelo Comitê Popular da Copa, Intersindical, Conlutas, Movimento Sem-Teto,  Atitude Quilombola e o Círculo Palmarino, contra os gastos da Copa do Mundo, está prevista para a tarde desta quinta-feira, 15, com concentração na praça da Piedade e passeata, às 17h, pela Av. Joana Angélia, até a Arena Fonte Nova.

Conforme os organizadores, o ato é em repúdio "ao investimento exorbitante do governo federal na Copa do Mundo". 

A assessoria da Secretaria da Segurança Pública informou que a Polícia Militar vai acompanhar a manifestação para garantir o direito das pessoas a protestar.

O secretário Maurício Barbosa disse que acionou o setor de inteligência "para identificar aqueles que têm por intenção a baderna e não a manifestação legítima e democrática".

A secretaria vai utilizar patrulhas de aproximação, preparadas, segundo Barbosa, para o diálogo "e para fazer contato primário".

E explicou que, caso haja situação crítica, estarão de prontidão tropas do Batalhão de Choque e Cavalaria. Segundo ele, serão cerca de 140 homens, incluindo os que farão o controle de trânsito.

O presidente do Sindicato dos Lojistas (Sindilojas), Paulo Motta, disse que a orientação é manter o comércio aberto, confiando no bom senso de manifestantes e policiais. "Vandalismo não contribui em nada para a sociedade", apontou.

 

 

Fonte: Atarde

Facebook Comments