Data de Hoje
19 June 2021

Bahia encerra jejum de vitórias, bate Oeste e volta ao G-4 da Série B

Contando com grande apoio da torcida tricolor mesmo atuando longe de Salvador, o Bahia voltou a vencer pela Série B e encerrou um jejum que durou cinco partidas sem vencer um compromisso. Sob o comando de Charles Fabian pela primeira vez após a demissão de Sérgio Soares, o Esquadrão bateu o Oeste por 1 a 0, gol de Kieza, e embolou a briga pelo G-4 da competição.

O tricolor conseguiu entrar no grupo dos quatro primeiros, tem o mesmos 51 pontos do 3º colocado América-MG e um a mais que o 5º, Náutico. O Esquadrão pode perder a vaga no complemento da rodada, quando o Paysandu tem a possibilidade de igualar o número de pontos do tricolor, se vencer o Macaé no Mangueirão.

A equipe paraense passaria o Bahia por conta do maior número de vitórias, com o tricolor tendo mais uma chance de voltar a figurar entre aqueles que conseguem o acesso na próxima rodada, quando encara o Criciúma na Fonte Nova, na terça-feira (20).

O jogo

Precisando vencer, o Bahia pressionou desde o início do confronto com o Oeste, e logo aos 4 minutos teve boa chance, com Roger. O centroavante recebeu lançamento longo e bateu rasteiro, mas a bola passou para fora.

Mesmo dominando as ações, o tricolor errava muitos passes, e só voltou a ameaçar aos 22 minutos, quando, na pressão, quase abriu o placar.  A defesa do Oeste tentou sair com um chutão, mas acabou sendo bloqueada, com a bola indo na direção do gol, mas o goleiro da casa estava atento e salvou.

A grande chance do Oeste no primeiro tempo aconteceu aos 23 minutos, com Kahê encontrando Wagninho livre de marcação na área tricolor. O atacante rubro-negro chutou bem, mas Douglas Pires fez milagre e mandou para escanteio.

Aos 32 minutos, o Bahia abriu o placar. De volta ao time titular, Souza cobrou escanteio e Kieza venceu o duelo com a defesa, para cabecear e decretar: Bahia 1 a 0.

Precisando vencer, o Bahia pressionou desde o início do confronto com o Oeste, e logo aos 4 minutos teve boa chance, com Roger. O centroavante recebeu lançamento longo e bateu rasteiro, mas a bola passou para fora.

Mesmo dominando as ações, o tricolor errava muitos passes, e só voltou a ameaçar aos 22 minutos, quando, na pressão, quase abriu o placar.  A defesa do Oeste tentou sair com um chutão, mas acabou sendo bloqueada, com a bola indo na direção do gol, mas o goleiro da casa estava atento e salvou.

A grande chance do Oeste no primeiro tempo aconteceu aos 23 minutos, com Kahê encontrando Wagninho livre de marcação na área tricolor. O atacante rubro-negro chutou bem, mas Douglas Pires fez milagre e mandou para escanteio.

Aos 32 minutos, o Bahia abriu o placar. De volta ao time titular, Souza cobrou escanteio e Kieza venceu o duelo com a defesa, para cabecear e decretar: Bahia 1 a 0.

Antes do fim da primeira etapa, Souza voltou a aparecer em lance de bola parada. Desta vez batendo direto para o gol, mesmo de longe, o volante obrigou o goleiro Leandro Santos a fazer boa defesa, e afastar de qualquer maneira após chute forte do tricolor.

Segundo tempo

O Oeste voltou para a etapa complementar buscando o empate, e assustou nos 10 primeiros minutos. Primeiro, aos 7, Kahê recebeu cruzamento e dividiu com Douglas Pires. A bola sobrou limpa para Renan Mota, que não aproveitou e cabeceou para fora. 3 minutos depois foi a vez de do lateral Paulo Henrique tentar surpreender com chute da direita, que passou com perigo para fora.

Apesar de conseguir equilibrara as ações, o Oeste pouco criou depois da pressão inicial, e chegou a reclamar de um pênalti não marcado aos 15 minutos, quando KahÊ brigou pela posse dentro da área e caiu após se chocar com a zaga tricolor.

Já o Bahia acabou caindo de produção, com as alterações processadas por Charles não tendo o resultado esperado, mas foi o suficiente para conseguir três pontos importantes.

FICHA TÉCNICA:

Campeonato Brasileiro Série B – 31ª rodada

Oeste 0 x 1 Bahia

Local: Estádio José Liberatti, às 16h30

Data: 17/10/2015

Arbitragem: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO), auxiliado por Christian Passos Sorence e Evandro Gomes Ferreira.(GO).

Gols: Kieza (Bahia).

Cartões amarelos: Paulo Henrique e Daniel Gigante; Eduardo, João Paulo Penha e Gabriel Valongo (Bahia)

Oeste: Leandro Santos, Paulo Henrique (Júnior Negão), Daniel Gigante, Ligger e Fernandinho; Renato Xavier (Patrik Silva), Renan Mota, Guilherme e Mazinho; Kahê (Rafael Martins) e Waguininho. Técnico: Renan Freitas

Bahia: Douglas Pires, Railan, Gabriel Valongo, Gustavo e João Paulo; Paulinho Dias, Souza, Eduardo (Rômulo) e João Paulo Penha (Vítor); Kieza e Roger (Alexsandro). Técnico: Charles Fabia

Facebook Comments