Data de Hoje
22 September 2021

Bahia prepara PPP com Reino Unido para ampliação da banda larga no estado

A Bahia prepara sua sétima Parceria Público Privada (PPP) para levar banda larga a todo o estado. A PPP será firmada com o Reino Unido, de onde vieram especialistas que participaram do seminário Banda Larga e Inovações Tecnológicas Aplicadas ao Serviço Público: Experiências Britânica e Brasileira, nesta terça-feira (22), no auditório da Agência de Fomento do Estado (Desenbahia). “O segmento ainda tem muito o que desenvolver no Brasil e na Bahia, e, assim, é uma oportunidade para a transferência de tecnologia e também para os investidores da nossa região”, afirmou Mark Braggins, fundador da Open Data Camp, comunidade de dados abertos que reúne a maior parte dos governos locais do Reino Unido. De acordo com o chefe de gabinete da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado (Secti), Roberto de Pinho, a Bahia teve um projeto contemplado pelo fundo de cooperação do governo britânico, o Prosperity Fund,  para aprofundar os estudos da PPP. “A PPP de banda larga tem dois objetivos. Um, é o acesso de banda larga para os pontos de interesse do Estado, como unidades de saúde, escola, postos da segurança pública. O outro é levar banda larga para toda a população por preços razoáveis. A PPP é uma ferramenta moderna de gestão, com a qual a Bahia tem casos de sucesso, como o Hospital do Subúrbio”, explicou. Com a ampliação da tecnologia, pretende-se desenvolver um projeto para que o Neojibá [Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia] possa realizar seus trabalhos pela internet. “A característica transformadora da banda larga para a economia e a vida do cidadão é a principal motivação que a gente tem. É possível fazer mais com o aceso à banda larga”.

Facebook Comments