Data de Hoje
8 December 2021

Bahia promete minuto de silêncio em homenagem ao jovem Paulo Henrique

O Esporte Clube Bahia, em nota oficial, emitiu uma nota de pesar e lamentou profundamente a morte do atacante Paulo Henrique, de 19 anos, vítima de leucemia. O jogador, campeão estadual três vezes pelo tricolor baiano, faleceu em Belo Horizonte nesta quinta-feira (25) e terá o corpo levado até a cidade de Coaraci, no interior da Bahia, onde será sepultado no início da manhã do próximo domingo (27), no cemitério municipal. Todos jogos do Bahia neste final semana, incluindo base e profissional, terá um minuto de silêncio em homenagem ao garoto. Enquanto jogador do Bahia, Paulo Henrique conquistou três títulos estaduais por categorias diferentes: sub-16, sub-18 e sub-20. Foi convocado para seleção brasileira sub-15 e se destacou em competições internacionais e nacionais como a Copa Nike, Copa Metropolitana sub-17,  Copa Catalão e a Copa Cerquilho.

 

Confira a nota:

 

“A diretoria do Esporte Clube Bahia manifesta solidariedade à família de Paulo Henrique Freitas Oliveira, atleta da divisão de base tricolor, que faleceu na noite desta quinta-feira (24), em Belo Horizonte. O promissor atacante de 19 anos, nascido em maio de 1996, lutou bravamente contra a leucemia desde o início de 2014, mas infelizmente acabou não resistindo ao tratamento. O corpo de Paulo Henrique chegará a Coaraci, no interior baiano, neste sábado (26), e será sepultado diante dos familiares no domingo (27), pela manhã, no cemitério municipal da cidade.O Esquadrão prestará homenagem a PH no jogo contra o Luverdense, neste sábado, no Mato Grosso, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Além disso, solicitou um minuto de silêncio para todas as partidas das categorias de base e profissional, envolvendo o clube, neste final de semana.Paulo Henrique foi campeão estadual pelo Bahia nas categorias sub-16, sub-18 e sub-20 e também conquistou os títulos da etapa brasileira da Copa Nike, da Copa Metropolitana sub-17, da Copa Catalão, da Copa Cerquilho e da Copa Irecê (duas vezes), quando foi artilheiro e eleito o melhor jogador.

 

Convocado pela seleção brasileira sub-15, ganhou a Mini Copa America na Venezuela, em 2011.

 

“Um Guerreiro Tricolor.”

Facebook Comments