Data de Hoje
16 June 2021
(Foto: Kivia Souza/iBahia)

Barracas do Imbuí passam a ter hora para fechar

Acordo define multa para quem mantiver som alto após as 22h

Por Bruno Wendel e Yne Manuella / Correio

Por Bruno Wendel e Yne Manuella / Correio

Fim de festa. Aí você quer tomar aquela saideira às 3h de sábado e logo vem em mente o Imbuí. Aproveite enquanto é tempo, pois a partir de segunda-feira as tradicionais barracas passarão a ter horários fixos para encerrar as atividades. Os proprietários que descumprirem as novas regras, definidas durante uma reunião esta semana, terão que pagar multa de um salário mínimo. As normas incluem também proibição de som alto a partir das 22h, também sob pena de multa.

De segunda a quinta-feira, os bares só poderão estar abertos até 1h, com encerramento máximo às 2h. De sexta-feira a sábado, as barracas podem receber clientes até as 2h, e baixar as portas às 3h – mesmo limite estabelecido para os feriados. Por fim, aos domingos, devem fechar às 22h, com tolerância máxima de funcionamento até as 23h.

A Associação dos Barraqueiros do Imbuí, que defende os interesses dos próprios comerciantes, será a responsável por fiscalizar e aplicar a punição aos quiosques. As medidas, segundo a entidade, visam garantir mais segurança na área e foram decididas durante reunião com a participação de moradores do bairro, associações de comerciantes e barraqueiros e a Polícia Militar. Em julho, três pessoas foram mortas no bairro num intervalo de 15 dias – nenhum dos casos, no entanto, tem relação direta com o funcionamento dos quiosques.

Por Bruno Wendel e Yne Manuella / Correio
Facebook Comments