Data de Hoje
6 August 2021

Barraqueiros desempregados de Itapuã instituem associação

São cerca de 40 barraqueiros que ficaram fora da reorganização da orla promovida pela prefeitura

Quarenta barraqueiros se reuniram na última sexta (4), em Itapuã, com o objetivo e fundar a Associação dos Barraqueiros e Vendedores Ambulantes de Salvador. Essas pessoas ficaram fora do processo de modernização das praias que a prefeitura de Salvador promove para reorganizar a orla da cidade e não receberam material de trabalho. Como já estão há mais de 60 dias sem trabalhar nas praias de Piatã, Jaguaribe, Ipitanga e Itapuã, resolveram sair em busca de seus direitos através do trabalho em associação. Durante a reunião desta sexta, ficou decidido que a partir de agora a empresa MBM Soluções Empresariais vai dar todo o suporte jurídico e administrativo a instituição. A presidente da MBM, Maristela Meneses destaca que esses desempregados vão receber todo o apoio necessário para reconquistarem seus direitos de trabalhar na praia. “No processo de revitalização da orla, essas pessoas ficaram sem direito ao trabalho e agora como estamos fortes solucionaremos todos os problemas”, encerra. A partir da associação, os barraqueiros vão ter acesso facilitado aos órgãos da prefeitura e de acordo com Vanessa Santos, coordenadora do Centro Empreendedor Municipal – CEM todos precisam ter cadastro na instituição para ter 100% de atendimento. O órgão disponibiliza serviços como entrada em alvará de funcionamento, formação e capacitação de empreendedores. A principal reivindicação do grupo é ter direito ao Kit praia (20 mesas, 40 cadeiras, toldo e caixa térmica) e a licença para desenvolver o trabalho na areia da praia. Há 20 anos trabalhando na areia da praia de Piatã, Geraldo Argemiro diz que “agora teremos dignidade, pois somos fortes e temos objetivo”. Representando a vereadora Tia Eron, o assessor Paulo Paraiso disse que a vereadora continua apoiando o grupo e que não vai desistir porque essas pessoas precisam ter seus direitos garantidos e um deles é o de trabalhar dignamente.

Facebook Comments