Data de Hoje
15 June 2024
Nestor Cerveró (Foto: André Usek / Estadão)

Cerveró terá que devolver R$ 18 milhões e deixará a prisão no dia 24

Nestor Cerveró, o ex-diretor da área internacional da Petrobras, irá devolver cerca de R$ 18 milhões aos cofres públicos por sua participação no esquema de corrupção da estatal. O ex-diretor deixará a prisão dia 24 de junho, de acordo com a Folha de S. Paulo. Ele está preso desde janeiro de 2015. Em seu acordo de delação premiada com a Procuradoria-Geral da República e que foi homologada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), Cerveró concordou em devolver os recursos.

A verba inclui, por exemplo, 1 milhão de libras esterlinas mantido em bancos de Londres, R$ 9,7 milhões, além de US$ 495 mil em contas sob controle da offshore Russel em Nassau, Bahamas. Caso não cumpra o acordo, poderá perder fazenda e imóveis na zona sul do Rio. Cerveró cumprirá um ano, cinco meses e nove dias em regime fechado na carceragem da PF e continuará a cumprir pena em casa a partir de 24 de junho. Ficou definido ainda que ele só poderá ser condenado a no máximo 25 anos.

Até dezembro de 2018, o ex-diretor da Petrobras terá que usar tornozeleira eletrônica. Ele ficará em Petrópolis, no Rio de Janeiro.

Por Click Notícias