Data de Hoje
20 June 2021

Com “lambanças” de árbitro, Chapecoense faz cinco e tira Palmeiras do G-4

Na Arena Condá, a Chapecoense goleou o Palmeiras por 5 a 1 neste domingo (4), mas o protagonista da partida não foi nenhum jogador. Extremamente confuso apesar dos seus acertos, o árbitro Jailson Macedo Freitas chamou toda a atenção ao expulsar equivocadamente Egídio, voltar atrás após cinco minutos e chamá-lo de volta dos vestiários para retornar ao jogo.

O resultado do confronto da 29ª rodada do Campeonato Brasileiro alterou a situação dos dois clubes no campeonato. Brigando para se classificar à Copa Libertadores, o Palmeiras perdeu duas posições e deixou o G-4. Agora, é o sexto com 45 pontos, um atrás de Santos e São Paulo. Já a Chapecoense foi aos 34 pontos e deixou a zona de rebaixamento, pulando três posições e alcançando o 14º lugar.

A equipe catarinense abriu o placar cedo, aos 4min, com o zagueiro Neto. Depois de toda a confusão da não-expulsão de Egídio, Camilo ampliou. No segundo tempo, Túlio de Melo, Apodi e Ananias transformaram o resultado em goleada do time da casa, enquanto Dudu fez o gol de honra dos visitantes.

A Chapecoense não vencia uma partida desde a 19ª rodada do Brasileirão, quando derrotou o Atlético-MG por 2 a 1 em casa.

FICHA TÉCNICA
CHAPECOENSE 5 X 1 PALMEIRAS

Data e horário: 4 de outubro de 2015, às 18h30 de Brasília
Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)
Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa-PR) e Ivan Carlos Bohn (PR)
Cartões amarelos: Andrei Girotto, Fernando Prass, Egídio, Jackson (Palmeiras)
Gols: Neto, aos 4min, e Camilo, aos 23min do primeiro tempo, Túlio de Melo, aos 9min, Apodi, aos 20min, e Ananias, aos 41min, do segundo tempo (Chapecoense); Dudu, aos 14min do segundo tempo.

CHAPECOENSE: Danilo, Apodi, Neto (Rafael Lima), William Thiego e Dener; Bruno Silva, William Barbio (Neném), Camilo e Maranhão (Ananias); Túlio de Melo
Técnico: Guto Ferreira

PALMEIRAS: Fernando Prass, Lucas, Jackson, Vitor Hugo e Egídio; Amaral (João Pedro), Arouca (Andrei Girotto), Rafael Marques (Allione), Dudu e Gabriel Jesus; Lucas Barrios

Facebook Comments