Data de Hoje
28 November 2021

Comerciantes lamentam obras atrasadas no bairro da Ribeira

Moradores, visitantes e comerciantes lamentam o estado em que se encontra a Beira Mar da praia da Ribeira, cujas obras de revitalização começaram há mais de um ano e até então não foram concluídas. Segundo a população local, bares e restaurantes fecharam as portas por conta do baixo movimento,além disso, assaltos constantes têm acontecido desde que o local deixou de ser ponto de encontro dos baianos. “Nem turistas se vê mais por aqui. Os poucos que retornaram ao local ficaram tristes com o que viram. O prefeito iniciou essa obra para melhorar a região, porém o atraso não só acabou com a beleza da tão famosa Ribeira como também trouxe prejuízo ao comércio local. A minha produção mesmo despencou, pois antes eu vendia 80 cocos e hoje, quando consigo, vendo quinze, no máximo”, contou o vendedor de água de coco, Juarez. Assim como o ambulante, diversos donos de bares e restaurantes fecharam as portas por conta da queda no movimento. De acordo com o garçom do Restaurante Recanto do Mar, Erisvaldo de Jesus, mais de quarenta funcionários dos Restaurantes Bulgari, La Gula e Ancoradora foram demitidos após os estabelecimentos fecharem as portas por falta de movimento. “Aqui mesmo éramos quinze e nos resumimos hoje em apenas três. O jogo de empurra da Prefeitura e terceirizada continua, um diz que pagou e o outro diz que não recebeu. Enquanto isso ficamos aqui admirando a lama, areia e buracos espalhados por conta da obra que parece nunca terminar. Nossos turistas sumiram, clientes quando aparecem é uma festa para nós. Agora só nos resta esperar pelo milagre da conclusão das obras”, contou o garçom. Morador de Salvador e frequentador nato da Ribeira, o analista de sistema, Luiz Brito, diz que o fato o afastou da região não só pela falta de atrativo como também pela insegurança que o local passou a ter. “A obra esta mal feita e irregular. Afastou não só turista e moradores como também a mim e muitos amigos frequentadores da Ribeira de anos. Até assaltos começaram a acontecer devido ao deserto que ficou após cair o número de frequentadores na área, coisa que nunca antes existiu. Espero que a prefeitura conclua as obras, pois pior do que não ter feito é fazer e não terminar. A Ribeira precisa retomar o tradicional atrativo e em minha opinião, o que está faltando é planejamento”.

Facebook Comments