Data de Hoje
28 October 2021

Conselho de Ética vota abertura de investigação contra Luiz Argôlo nesta terça

Conselho de Ética vota abertura de investigação contra Luiz Argôlo nesta terça

Foto: Gustavo Lima / Câmara dos Deputados

 
O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara dos Deputados se reúne às 14h desta terça-feira (3) para votar o parecer do deputado Marcos Rogério (PDT-RO) que pede abertura de investigação sobre as denúncias de quebra de decoro parlamentar de Luiz Argôlo (SDD-BA). O deputado baiano, acusado de envolvimento com o doleiro Alberto Youssef, pediu licença médica da Casa nesta segunda (2). O relator afirma que “há indícios suficientes” de materialidade e autoria para que seja aberto o processo de apuração. A votação que deve acontecer nesta terça (3) foi adiada na última quarta (28) devido ao pedido de vista solicitado pelo deputado Sérgio Moraes (PTB-RS).  Além de ter a conduta apurada pelo colegiado, Argôlo responde também a representação da Mesa Diretora, que recomenda sua cassação. As suspeitas já fizeram com que o parlamentar perdesse a vice-liderança do SDD na Casa. Em relatório da Polícia Federal, são apontadas suspeitas de que Youssef repassou R$ 120 mil para o chefe de gabinete do deputado. O advogado do parlamentar, Aluísio Reges, afirmou que seu cliente é inocente e que as denúncias não são baseadas em fatos, mas em “fofocas”. Segundo o defensor, ele só vai se pronunciar quando tiver acesso aos dados do processo, que está no Supremo Tribunal Federal.
Facebook Comments