Data de Hoje
25 January 2022

Coronavírus sobrevive por até 3 dias em papelão, plástico ou maçaneta

Um estudo indicou que o vírus causador do coronavírus pode resistir até dias fora do corpo humano. O estudo foi feito por pesquisadores do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas e da Universidade de Princeton, ambos dos Estados Unidos, e divulgados pelo UOL nesta terça-feira (17/3).

Os resultados sugerem que o coronavírus pode sobreviver por até três horas no ar e por quatro em materiais feitos de cobre. Já em uma materiais feitos de papelão, como caixas de entrega, ele pode permanecer por até 24h. Em objetos de plástico e metal inoxidável, como maçanetas, o vírus sobrevive de dois a três dias.

Ainda segundo a publicação, o estudo começou no final de janeiro, quando surgiu a hípotese de que compras em sites chineses tivessem ajudado a doença a se propagar. Com o estudo, os pesquisadores descobriram que é possível, mas as encomendas costumam demorar mais de três dias para ser entregues, inviabilizando a contamização. Outros estudos ainda serão feitos.

Facebook Comments