Data de Hoje
14 June 2021
Menino foi queimado com prancha quente de cabelo (Foto: Giro em Ipiaú)

Criança de 3 anos é agredida com prancha de cabelo em Ipiaú

Dois filhos adolescentes da suspeita foram apreendidos pela polícia por suspeita de participar das agressões

Uma mulher foi presa neste sábado (19) suspeita de agredir e queimar uma criança de 3 anos com uma prancha usada para alisar cabelo em Ipiaú, na região Sul da Bahia. A mulher é casada com o tio do garoto que agredia. Dois filhos adolescentes da suspeita foram apreendidos pela polícia por suspeita de participar das agressões, que eram registradas em um aparelho celular.

O menino tinha várias marcas de queimadura pelo corpo. O caso foi denunciado ao Juizado de Menores, que acionou a polícia. Carmecélia Oliveira Nunes, 39 anos, foi presa nesta manhã. A filha de 15 e o filho de 17, que aparecem em vídeo agredindo o menino foram apreendidos. Um cinto também era usado para bater no menino.

O menino estava morando com o tio e a esposa há algum tempo – o garoto é órfão de pai e não há informação sobre o paradeiro da mãe. Uma outra tia criava a criança, mas precisou deixá-lo temporariamente com o irmão e a cunhada. As agressões com a prancha teriam acontecido na última semana na casa da família, na zona rural da cidade.

Quando a tia que criava o garoto foi pegá-lo na casa dos parentes, percebeu os sinais de agressão e denunciou o caso.

O tio do garoto, marido da agressora, afirmou não saber da violência, que acontecia quando ele estava no trabalho. A polícia ainda investiga para saber se ele era conivente com as agressões. Já Carmecélia preferiu se manter em silêncio ao ser ouvida na delegacia.

Por Correio
Facebook Comments