Data de Hoje
7 May 2021

Criança de 6 anos morta pela mãe e madrasta era obrigada a ingerir comida estragada

Vítima chegou a ser chicoteada e desmaiar após ter cabeça batida na parede

Investigações da polícia de Porto Real, no Rio de Janeiro, revelaram que a menina Ketelen Vitória Oliveira da Rocha, de 6 anos, morta pela mãe e madrasta no último sábado (24) era obrigada a ingerir comida estragada.

Gilmara Oliveira de Farias, de 27 anos, e Brena Luane Barbosa Nunes, 25, confessaram que agrediram a vítima repetidamente no final de semana anterior ao óbito da criança. O caso aconteceu na casa onde todas moravam.

Entre os dias 16 e 18 de abril, a menina foi espancada pelo menos quatro vezes e chicoteada com um cabo de TV, além de levar chutes na barriga e ter a cabeça batida na parede até desmaiar.

Além das agressões físicas, Gilmara e Brena também contaram que alimentavam a criança, no máximo, duas vezes ao dia. Entre os castigos aplicados rotineiramente à Ketelen estavam a obrigatoriedade de a criança ingerir comida estragada e comer pães mofados. As agressoras foram presas horas após a criança ir à óbito e vão responder por homicídio.

P notícias

Facebook Comments