Data de Hoje
19 May 2021
Foto: Reprodução

Cunha pretende recorrer à Corte Europeia de Direitos Humanos

À espera de novos pedidos de abertura de inquérito, o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, analisa outra possibilidade de contra-ataque e planeja apelar à Corte Europeia de Direitos Humanos. Segundo informações da coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, a estratégia foi montada por sua defesa. Seus advogados pretendem argumentar no tribunal que o peemedebista sofre perseguição política no Brasil por parte do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Um advogado especialista em casos na corte internacional já foi acionado para avaliar a possibilidade de ajuizar o recurso. De acordo com a coluna, a equipe de Cunha aposta no apelo à Corte como forma de cessar a remessa de documentos e de abrir uma brecha para invalidar o uso de dados já encaminhados ao Brasil. Entre as atribuições da Corte, está a de permitir que os réus tenham julgamento justo. Se a defesa planejada for aceita, a Suíça assumiria a investigação.

Por Bahia Notícias
Facebook Comments