Data de Hoje
3 December 2021

Decoração de Natal em Salvador homenageia vítimas da Covid-19

Foto: Igor Santos/Secom/PMS

Com o tema “Luz para recomeçar”, a decoração de Natal do Campo Grande, no Centro de Salvador, homenageia as vítimas da Covid-19 e os profissionais de saúde que atuam na linha de frente de combate à pandemia. A inauguração ocorreu na noite desta terça-feira (23), com a participação do prefeito Bruno Reis (DEM) e da vice, Ana Paula Matos (PDT).

Palco principal da iniciativa nos últimos anos, o local contará com 45 dias de programação e poderá ser visitado até o dia 6 de janeiro, sempre de 18h às 22h, mediante agendamento pela internet. O site disponibiliza cinco horários – 18h, 19h, 20h, 21h e 22h -, e o limite é de duas mil pessoas para cada sessão. O tempo de permanência, por pessoa, é de até 50 minutos.

De acordo com a Prefeitura de Salvador, o site de agendamento foi redesenhado para atender também as pessoas com deficiência. Além disso, a praça do Campo Grande passa a contar com monitores para guiar os cegos, peças com descritivos em braile, além de equipe treinada em libras.

A decoração natalina conta com cerca de sete milhões de lâmpadas sustentáveis de LED e reúne opções de lazer para o público e uma estrutura com catedral composta por vitrais, Casa do Papai Noel, presépio gigante e vila natalina.

Inspirada nos castelos de cristais com composições em azulejos presente nos painéis das igrejas da Bahia, a catedral “Luz para recomeçar” traz recortes de vitrais com imagens natalinas.

O túnel tem 9 metros de altura e 87 metros de extensão, todo coberto com micro lâmpadas de LED branco. Placas de madeira com estampas de azulejarias azul desenhadas a mão complementam a obra de arte, segundo a prefeitura.

Durante o percurso do túnel, os visitantes se deparam com três boulevards compostos de imagens e grandes lustres de cristais com iluminação. A caminhada pela catedral é embalada por uma trilha sonora composta por 20 canções que sincronizam as 250 mil microlâmpadas que preenchem o teto e as laterais da estrutura até o chão.

Bruno e Ana Paula participaram da inauguração da decoração do Campo Grande.
Crédito: Beto Jr./Secom/PMS

MUITA INFORMAÇÃO

Bruno emocionado

Emocionado, o prefeito Bruno Reis lembrou que, mesmo com todo o esforço da prefeitura para que a cidade superasse a pandemia do Covid-19, a gestão se empenhou para trazer um Natal marcante para a cidade.

“Que este Natal sirva para o reencontro da nossa cidade e para todos nós que perdemos entes queridos, tivemos dificuldades na convivência social e questões econômicas. Que sirva para darmos a volta por cima e que possa representar a virada de uma triste história da cidade. É um momento de reflexão, […] transborda nos nossos corações os sentimentos de compaixão e amor. É com estes sentimentos que faço o apelo de que todos se vacinem”, declarou.

Bruno relembrou que há quatro anos Salvador tem se destacado na promoção dos festejos de Natal. Em 2019, por exemplo, a vila natalina do Campo Grande recebeu 1,3 milhão de pessoas. E no ano anterior, com toda a segurança que o momento exigia, a praça recebeu 160 mil visitantes.

“Preparamos um Natal especial e este será o maior Natal da história de Salvador. A cada ano a cidade se consolida como o principal local de festejo natalino do Nordeste e em breve seremos um dos maiores do Brasil”, afirmou.

 

Presépio e Casa de Papai Noel

Já a Casa do Papai Noel é transparente com luzes natalinas e oferece a experiência de presenciar, através das janelas e portas de vidro, o cotidiano da vida do Bom Velhinho. A estrutura é dividida em dez ambientes: varanda, sala de estar, sala do trono, sala de música, escritório, quarto, banheiro, sala de jantar, cozinha e quintal, além de trenó estacionado na garagem.

O presépio, principal símbolo do Natal, é todo construído artesanalmente. Os personagens medem 80cm a 2,50m de altura e ficam presentes em um estábulo confeccionado de madeira envelhecida e palhoça. No telhado, uma estrela de Belém e um anjo anunciam o nascimento do menino Jesus.

Todo o presépio fica em um elevado de 70cm que ocupa uma área de 120m², com pintura rústica de barro e areia, representando o deserto e trazendo elementos da época do nascimento de Cristo.

Já a Vila Natalina é um espaço composto por dez “barraquinhas”, que mesclam artigos de artesanato típicos do período em diferentes materiais, santeiros e expositores de entidade sociais.

Além disso, uma arvore lúdica e interativa com 24m também foi instalada no Campo Grande. O ornamento possui 24 janelas de madeira com pintura dourada e Iluminação. Entre as janelas, há bolas de natal de LED, fitas de presentes iluminadas e pisca-pisca com sincronia com uma trilha sonora.

Facebook Comments