Data de Hoje
12 April 2021

Delivery de drogas e celular chega dentro de vagina para detento. inovação né bebê?

Umulher de 28 anos foi flagrada tentando entrar no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), com 25 gramas de maconha, dois papéis de droga sintética LSD e um micro celular com chip.

A visitante que não teve o nome revelado havia introduzido a droga e o telefone celular em suas partes íntimas, mas durante a revista o material ilícito foi detectado pelo equipamento de raio-X bodyscan.

O coronel PM Vinícius Almeida, que é o secretário de Administração Penitenciária confirmou que a visitante foi presa em flagrante delito e conduzida ao 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Porções de maconha, celular e cápsulas de drogas sintécias encontradas

nas partes íntimias da mlher do preso (Foto: Divulgação)

O secretário destacou ainda que a referida mulher havia comparecido no Compaj nesta terça-feira para visitar o marido que está preso e responde na Justiça do Amazonas por crime de tráfico de drogas.

Além de ser autuado em flagrante qualquer visitante que cometa o mesmo crime praticado por esta mulher fica impedido por tempo indeterminado de voltar a visitar detento no Sistema Penitenciário Estadual

 

Facebook Comments