Data de Hoje
20 September 2021

Denúncia: Oi desabilita linha de cliente antigo para instalar de novo assinante

Um cliente da empresa de telefonia Oi fez a denúncia ao Portal Click Notícias sobre os transtornos que tem passado por conta dos serviços da empresa. O homem possui a linha há mais de 6 anos, onde o seu telefone constantemente fica mudo e sem internet. A empresa está impondo ao cliente trocar de número para que seja resolvido o problema que se arrasta há semanas.

O rapaz, que preferiu não se identificar, informou a seguinte história:

A linha telefônica ficou muda e o mesmo entrou em contato, fez a reclamação na segunda-feira (17), no protocolo de número (20151121564700), no mês de agosto, então um técnico da Oi foi a sua residência e concertou o erro que era na caixa central da rua Professor Flávio de Paula, no Bairro Guarani.

Logo depois, na quarta-feira de setembro (02) ocorreu o mesmo erro, começando com uma lentidão em navegar na internet, logo depois o telefone fixo ficou mudo e sem internet. O cliente fez a reclamação novamente, gerando o protocolo de número (20151129724078) que então foi enviado um técnico a residência.

O último técnico informou ao assinante da linha que na última vez que um outro técnico foi em sua residência resolveu o problema, porém, tinha enviado sua linha telefônica para o bairro do IAPI, ou seja, funcionários terceirizados estão desabilitando clientes antigos, jogando a linha para outro bairro e habilitando novos clientes em troca de benefícios próprios.

Protocolos e datas:

17 de agosto, protocolo -20151121564700

02 de setembro, protocolo- 20151129724078

05 de setembro, protocolo- 20151131030382

06 de setembro, protocolo-20151131266361

Nossa equipe entrou em contato com AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES (ANATEL) e enviou todos os protocolos. Entrou em contato com o Proteção e Defesa do Consumidor (PROCON ), e a assessoria de imprensa da Oi para que esse problema seja resolvido o mais rápido possível, pois o assinante está sem linha e sem poder acessar a internet, sendo um direito que lhe assiste, pois as contas estão devidamente pagas.

Por Mara Silvany / Click Notícias
Facebook Comments