Data de Hoje
20 September 2021

Eleições 2014: Crescem nos bastidores os rumores sobre a troca de Rui Costa por Walter Pinheiro

RuiPinheiro

Os boatos de uma possível troca na candidatura petista ao Governo do Estado começam a ganhar força nos bastidores.

A temporada de especulações nas Eleições 2014 na Bahia está a todo vapor após o enfrentamento que a “chapa dos sonhos” da oposição saiu a campo, o que vem “incendiando” os corredores do poder, já que os pré-candidatos oposicionistas chegaram com o fôlego todo, inclusive como se já estivem no “Sprint” final.

As visitas feitas pela comitiva comandada pelo ex-governador Paulo Souto e pelo “xerife” Geddel têm surtindo um efeito acima do esperado, como aconteceu recentemente em Vitória da Conquista, onde centenas de lideranças foram recepcionar a caravana oposicionista, num clima de muito otimismo.

As pesquisas mostram uma tendência de alta para Souto e estagnação no Costa, o que vem deixando os petistas “com a pulga atrás da orelha”, tanto que os rumores de bastidores pela substituição de Rui Costa pelo senador Walter Pinheiro estão cada vez maiores. Pinheiro que é considerado um nome leve e que teria uma densidade eleitoral muito mais positiva que Costa, continua no seu estilo tranquilo e sereno, não dando demonstrações de que estaria trabalhando articulando essa possibilidade “debaixo dos panos”.

As especulações sobre essa possível mudança são engrossadas pela baixa popularidade de Rui Costa em diversos municípios da Bahia, onde ele não consegue emplacar, como é o caso de Brumado, onde ele ainda é muito pouco conhecido. O combate ainda terá muitos “rounds”, mas, ao que tudo indica, Rui Costa já está sendo duramente golpeado e já teria recebido um “knock down” que poderá fazer com que ele acabe “beijando” a lona do “octógono” do poder.

Agora a “trocação” de golpes deverá ficar mesmo para junho, onde as coisas irão ter a sua definição, mas pelo “andar da carruagem” a substituição do pupilo de Wagner é cada vez mais possível, a qual vem vendo manifestada na mesma sintonia das esferas maiores do poder, onde se cogita com muita força a substituição de Dilma por Lula, que é tido pelos petistas como imbatível.

A queda nas pesquisas vem contribuindo para que essas especulações ganhem força, tendo como “combustível” o recente escândalo da Petrobrás, que ainda pode ter vários desdobramentos, ainda mais se for aberta uma CPI no Congresso Nacional para apurar se houve ou não fraudes e desvios de verbas. Fonte: Brumado Urgente

Facebook Comments