Data de Hoje
30 November 2021

Empresário fica tetraplégico após cair de brinquedo em parque aquático

Após cair de um brinquedo em um parque aquático, um empresário de 49 anos ficou tetraplégico. Acidente aconteceu em Olímpia, São Paulo. A vítima, que mora em São Bernardo do Campo (SP), está internada. Segundo G1 Rio Preto e Araçatuba, a Polícia Civil espera o empresário ter alta para instaurar um inquérito para apurar o caso.

O acidente aconteceu no dia 21 de julho. Segundo informações do boletim de ocorrência divulgados pelo G1, Carlos Alberto Magon, de São Bernardo do Campo (SP), estava no parque aquático Thermas dos Laranjais quando foi brincar em uma atração chamada “bolha gigante”, uma estrutura inflável que deve ser “escalada” pelos banhistas com auxílio de uma corda.

A bolha, com aproximadamente quatro metros de altura, é cercada por uma piscina com um metro de profundidade. Segundo a polícia, o empresário escorregou durante a subida e bateu a cabeça no fundo da piscina. Em nota, o clube diz que o equipamento tem monitoramento em tempo integral, com placas de indicações de uso e não apresentou qualquer risco, defeito ou vício e que é seguro. A direção do parque aquático Thermas dos Laranjais informou que prestou toda a assistência à vítima.

A vítima foi transferida ao Hospital Austa, por conta da gravidade dos ferimentos. No local, foi constatada a tetraplegia. Segundo o delegado, este não é o primeiro caso de lesão ocasionada por este brinquedo. “Acho que desde 2014 atendi pelo menos três ocorrências de acidentes ali, em um deles um homem quebrou o braço. A piscina é rasa e, principalmente para pessoas mais pesadas, torna-se perigosa quando cai”, explica.

Facebook Comments