Data de Hoje
3 December 2021

Estudante do programa Ciência sem Fronteiras é encontrado morto em universidade da Inglaterra

Ivson Nunes, 26 anos, era da cidade de Gravatá, no agreste pernambucano, e estudava Design na UFPE

Um estudante brasileiro foi encontrado morto no campus da Universidade de Lincoln, na Inglaterra. Ivson Nunes, 26 anos, era da cidade de Gravatá, no agreste pernambucano, e participava do programa Ciência sem Fronteiras. O corpo do jovem foi encontrado no domingo (16) sem sinais de agressão.

Ivson estudava Design na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e há pouco mais de um ano estava fazendo intercâmbio no país europeu. Ele voltaria ao Brasil no dia cinco de setembro

Em nota, o Itamaraty disse na manhã desta quinta-feira (20) que tomou conhecimento do ocorrido no último dia 17 de agosto, e desde então tem mantido contato com a família do brasileiro e com as autoridades locais, no sentido de prestar toda a assistência consular devida.

O corpo de Ivson foi liberado quarta-feira (19), no entanto, o traslado ainda não foi acordado entre o consulado brasileiro e a família. “Meu filho era uma pessoa muito centrada. Tinha muitos projetos e já estava com a passagem comprada”, disse Isis Oliveira, mãe do rapaz.

Um laudo esclarecendo a causa da morte do estudante deverá ser divulgado em dois meses. A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) disse estar aguardando o posicionamento da polícia britânica e a formalização do Itamaraty para providênciar a repatriação do corpo do jovem.

Facebook Comments