Data de Hoje
19 September 2021
João Marcos Porto Maciel ex-padre que estuprou menores- Foto reprodução

Ex-padre é condenado a 20 anos por estuprar menores

João Marcos Porto Maciel ex-padre foi condenado em regime fechado por estupro de vulnerável continuado e majorado na cidade de Caçapava do Sul, no Rio Grande do Sul. Conhecido como Dom Marcos de Santa Helena, ele é acusado de abusar sexualmente de menores entre 2007 e 2010. Além disso, quatro adultos alegaram ter sido vítimas do religioso nas décadas de 60 e 70. João Marcos está preso desde dezembro de 2014 e foi excomungado da Igreja Católica em 2009 e da Anglicana em 2011. A decisão judicial foi do juiz Leonardo Bofill Vanoni, da 2ª Vara da Comarca de Caçapava do Sul.

Os processos indicam que ele cometia os abusos no da cidade gaúcha durante aulas de música. O mesmo ganhava a confiança dos menores e dos pais para que eles estudassem música com ele. “Trata-se, salvo melhor juízo, de um típico perfil de criminoso sexual em série: planeja seus atos, calcula com frieza seus passos, escolhe suas vítimas, age sempre de forma semelhante, comete infrações da mesma espécie, etc”, escreveu o juiz em sua decisão.

Click Notícias
Facebook Comments