Data de Hoje
6 May 2021
Leonardo foi morto pelo ex-policial durante briga no Imbuí (Foto: Reprodução)

Ex-policial civil que matou primo de Ju Moraes é condenado a 16 anos de prisão

Foto: Paulo Azevedo/Bocão News
Foto: Paulo Azevedo/Bocão News

Julgamento aconteceu nesta quarta-feira, no Fórum Ruy Barbosa, em Nazaré

O policial civil Jansen Alves Nascimento, 41 anos, foi condenado a 16 anos de prisão pelo assassinato de Leonardo Moraes de Almeida, primo da cantora Ju Moraes, e pela tentativa de homicídio contra Lucas Urpia de Almeida, as vítimas tinham 33 e 19 anos na época.

A pena é a soma de 12 anos de prisão pelo homicídio e mais quatro anos pela tentativa. As informações foram divulgadas pelo pai de Leonardo, o médico Carlos Aníbal Almeida, que conversou com o CORREIO alguns minutos após o julgamento.

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

“O juri condenou por unanimidade, tanto no caso do homicídio, como da tentativa de homicídio, mas o juiz deu a pena mínima. O promotor vai recorrer”, contou. O crime aconteceu em julho de 2013, durante uma briga em uma das barracas do Imbuí. Os amigos foram surpreendidos pelo policial, que teve uma crise de ciúmes por causa de uma mulher. Para o pai da vítima a justiça ainda está incompleta. “Ele foi condenado, mas a pena foi muito branda. A justiça ainda não está completa”, afirmou.

Por Correio
Facebook Comments