Data de Hoje
18 September 2021

Ex-policial que matou jovem no Imbuí pega 16 anos de cadeia

O ex-policial civil Jansen Alves Nascimento, foi condenado a 16 anos de prisão em regime fechado. O julgamento durou cerca de 12 horas e tanto a defesa do ex-policial como o Ministério Público da Bahia (MP-BA) vão recorrer da decisão. Ele é acusado de matar o produtor de eventos Leonardo Moraes de Almeida, primo da cantora Ju Moraes.

Foram 12 anos pelo homicídio de Leonardo e 4 anos pela tentativa de homicídio, de Lucas Urpia Almeida amigo de Leonardo que estava junto. Os crimes foram praticados em Salvador no dia 13 de julho de 2013, durante uma discussão em um bar no bairro do Imbuí.

A defesa vai recorrer para diminuir a pena de Jansen e o MP-BA quer o aumento da pena, informou a assessoria do Tribunal de Justiça.

Na época, o ex-agente atirou em Leonardo que, após ser atingido no abdômen, morreu na emergência do Hospital Geral Roberto Santos.

Três dias após cometer o crime, Jansen, que era lotado na 2ª Delegacia Territorial, na Lapinha (2ª DT-Liberdade), foi preso. Pouco mais de dois anos, o governador Rui Costa decretou a demissão do acusado da corporação policial.

Facebook Comments