Data de Hoje
22 June 2021

EXCLUSIVO: Limpeza Social? Mendigos estariam sendo expulsos de Salvador por conta da Copa do Mundo Moradores estariam sendo levados para cida

Moradores estariam sendo levados para cidades vizinhas

“É uma prática comum nos grandes polos. Isso acontece em São Caetano do Sul e em Santo André. Eles pegam os moradores de rua e levam para outras cidades”. A declaração é do Secretário Municipal de Desenvolvimento Social de um município da região metropolitana de Salvador.

Varela Notícias recebeu uma denúncia grave relacionada ao tratamento que é dado a esses moradores de rua.

Alguns voluntários de uma ONG fundada há 20 anos e que desde então realiza um trabalho de distribuição de sopa e mingau, relataram à reportagem do VN o misterioso desaparecimento de vários mendigos desde agosto de 2013. Para onde eles foram levados? Essa é a dúvida dessas pessoas.

Eles distribuem o alimento para moradores de rua nas madrugadas dos sábados. O relato do presidente desta ONG, que terá o nome preservado por questões de segurança, é impressionante.

Foto: Varela Notícias

Kombi da Limpurb, carro-pipa e caminhão expulsam moradores de rua (Foto: Varela Notícias)

Segundo ele, kombis plotadas da Limpurb – e funcionários indentificados com crachás -, junto com carros da Polícia Militar e um caminhão, além de um carro-pipa, passam nas madrugadas de sábado, no mesmo horário em que ele está realizando seu trabalho social.

VEJA TAMBÉM:

De acordo com ele, funcionários da Prefeitura, em ação conjunta com policiais armados, abordam os moradores de rua e os retiram do local. Após isso, o carro-pipa joga água com sabão no chão onde há poucos minutos estavam os mendigos, enquanto o caminhão retira o papelão e outros pertences que eles deixaram.

“Acredito que a prefeitura com essa atitude está ferindo a constituição, que dá o direito de ir e vir da população. Essa ação só pode estar acontecendo em função da Copa, eles estão querendo limpar a cidade. Os policiais chegam muitas vezes como um ‘desvio de função’ e são agressivos e ameaçam os moradores de rua, já o caminhão pega todos os pertences deles e o carro pipa joga água com sabão no local para que eles não voltem de novo e tenham que procurar outro lugar, isso é um descaso com essas pessoas que já não tem pra onde ir”, disse.

O presidente da ONG contou também que ouve relatos de moradores de que essa ação acontece todos os dias, durante a madrugada, e que antigamente eles eram retirados e levados para o Hospital Ana Nery, mas que as condições de atendimento eram péssimas e nem os próprios moradores de rua queriam ir pra lá.

“Converso com moradores que dizem que não querem voltar pra lá nunca mais. Lá eles vivem em condições sub-humanas e não recebem o atendimento necessário”, completou.

Foto: Varela Notícias

Foto: Varela Notícias

Uma das voluntárias da organização contou ao VN que já presenciou uma dessas ações e falou que moradores afirmam que já chegaram a ver outros serem levados na kombi da Prefeitura, mas não se sabe pra onde. Essa é a dúvida de todos.

“Já soube que isso vem acontecendo em vários lugares, como próximo a Cesta do Povo da Sete Portas, Viaduto de Aquidabã, Mercado do Ouro no comércio, Largo de Roma, próximo a Irmã Dulce e Nazaré, próximo ao Bompreço. A gente percebeu o sumiço de vários moradores de rua”, relata.

Isso reforça denúncias de que os mendigos estariam sendo levados para municípios vizinhos a Salvador em função da Copa do Mundo, que acontece e terá jogos na capital baiana a partir de junho, como sugere um Secretário Municipal, citado no início da reportagem, nesta terça (29), afirmando que a prática de levar os moradores de rua a cidades vizinhas é comum.

De acordo com o presidente da ONG, a Defensoria Pública está investigando esse caso.

Já o Secretário Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (SEMPS), Henrique Gonçalves Trindade, em contato com o Varela Notícias, informou que a Secretaria não realiza abordagens de madrugada e nem retira pessoas em situação de vulnerabilidade das ruas nesses horários

Facebook Comments