Data de Hoje
18 July 2024

Expansão do BRT em Salvador promete transformar transporte público

Foto: Betto Jr./Secom

A expansão do BRT (Bus Rapid Transit) em Salvador está prestes a modificar significativamente o panorama do transporte público na cidade. Com quatro linhas já em operação, o sistema tem planos para expandir para um total de dezoito linhas, o que irá impactar diretamente as rotas dos ônibus convencionais que atualmente atendem a capital baiana.

A Secretaria de Mobilidade Urbana de Salvador (Semob) está estudando ajustes nas operações dos ônibus para se alinhar à expansão do BRT. Em entrevista ao Ibahia, o diretor de planejamento de transportes da Semob, afirma que as mudanças visam reduzir o tempo de viagem dos passageiros e aumentar a eficiência do sistema. À medida que novas linhas são inauguradas, o impacto nas rotas existentes está sendo cuidadosamente avaliado.

“Claro, tem pessoas que talvez prefiram fazer um caminho mais longo, presas no congestionamento, mas grande parte das pessoas acaba migrando para outras linhas. Então, é um processo que vai acontecendo e a gente vai monitorando. A gente faz esse planejamento, a gente não executa às cegas”, pontua.

Atualmente, o BRT opera com 51 ônibus, número que deverá aumentar para 100 e, eventualmente, para 280 ônibus conforme todas as linhas planejadas forem implementadas. As próximas linhas a serem lançadas são a B5 e B6, que ligarão a Lapa à Rodoviária e à Aeroporto, respectivamente. Outras linhas, como Águas Claras-Piatã, Pirajá-Avenida Pinto de Aguiar e Baixa do Fiscal-Armação, também estão programadas para entrar em operação ao longo do projeto.

Com a expansão do BRT em Salvador, a expectativa é de que o número de passageiros transportados mensalmente pelo sistema dobre, passando dos atuais 1,4 milhão para cerca de 3 milhões. Essa mudança reflete a crescente preferência da população pelo BRT, motivada pela significativa redução no tempo de viagem proporcionada pelo sistema.

Com a linha B4 prestes a encerrar a operação assistida e expandir seus horários de atendimento, o sistema cobre 18 bairros de Salvador com 13 quilômetros de vias exclusivas e 14 estações, prometendo ainda mais melhorias com seus planos de expansão futuros.