Data de Hoje
12 May 2021
Foto: Reprodução

Facebook lança campanha contra vírus Zika

O zika vírus é hoje uma das maiores preocupações da saúde mundial, o Aedes Aegypti traz riscos, principalmente às mulheres grávidas, uma vez que já foram detectados centenas de casos de microcefalia nos bebês de mães que foram picadas pelo mosquito. Diante de uma possível epidemia mundial, o Facebook, que concentra milhões de pessoas pelo mundo, anunciou parceria com a orrganização sem fins lucrativos Abrasco.

Mark Zuckerberg anunciou a parceria em sua página oficial. De acordo com o criador do Facebook, a iniciativa faz parte de um esforço “que também vai acontecer por toda a América Latina”.

Eis o comunicado de Zuckerberg na íntegra, em que o chefão do Facebook e do WhatsApp escreveu que o Zika vírus se espalhou por mais de 20 países e se tornou um problema mundial.

“Como uma comunidade, podemos ajudar a combater o Zika vírus ao aumentar a conscientização. O Facebook firmou uma parceria com a organização sem fins lucrativos Abrasco Divulga como parte de um esforço que também vai acontecer por toda a América Latina. O Zika vírus se espalhou por mais de 20 países como um dos maiores desafios da saúde pública. Em mulheres grávidas que contraem o vírus, ele tem sido relacionado a danos cerebrais nos bebês. O vírus é carregado por mosquitos. Não há medicamentos para tratar ou preveni-lo ainda, portanto, neste momento, a coisa mais importante a se fazer é evitar ser picado. Aqui está um vídeo de nossa campanha, através da qual temos esperanças de que informações valiosas serão fornecidas às mães”,

A mobilização em torno do Zika vírus tem sido mundial, principalmente após os problemas reportados nos bebês de mulheres grávidas. Que mais instituições e entidades apliquem esforços para conscientizar as pessoas sobre os métodos – relativamente simples, em sua maioria – para evitar a presença do Aedes Aegypti.

Click Notícias

Facebook Comments