Data de Hoje
25 January 2022

Filha de pais gays, atriz se assume lésbica e provoca: “Não faria sentido nenhum eu ser sapatão”

Após Thalita Carauta e Nanda Costa, outra atriz, bem menos famosa, assumiu ser lésbica. Ela está há alguns anos longe da TV, mas brilhou em alguns papéis em novelas de sucesso, como Avenida Brasil.

Estamos falando de Ana Karolina Lannes, filha adotiva de um casal gay e que revelou no mês passado que também é homo. Agora, ela mudou a cor dos seus cabelos e mostrou o resultado aos seus fãs.

“Tomaaaaa, Gayyyyysssas! Era aquele rosa ódio das inimigas que vocês queriam? Mais uma vez a maravilhosa da @maia_thais_ pegou meu cabelo e deu aquele banho de lacre, né morexxxxx? Comenta aí qual a próxima cor pra gente já ir planejando”, escreveu ela.

Ao Uol, ela contou como foi revelar aos seus pais sobre esta sua condição: “Comentei com meus pais por eles serem mais próximos, mas meus avós e meus tios sabem por cima. Nunca conversamos muito. A reação dos meus pais foi de apoio e um pouco de receio por conta do que eu poderia sofrer. Eles perguntam como estava o meu coraçãozinho… Temos uma relação gostosa”, disse.

E acrescentou: “Eu sempre me aceitei em relação a tudo — meu corpo, minha sexualidade, sempre respeitei minhas decisões, e meus pais também. Tive mais sorte que a maioria da comunidade. Eu não sofri discriminação em casa, recebi apoio. Talvez essa tenha sido a contribuição da sexualidade deles”.

Vale dizer que Karol tem dois pais. Desde os 4 anos, após perder a mãe, o tio Fabio e o marido dele, João Paulo, assumiram a criação dela. Orgulhosa da educação que teve em casa, ela explica que nunca sofreu para se aceitar.

E prosseguiu: “Já vi muitos comentários no Instagram dizendo que eu ia ser lésbica porque os pais são gays, mas se dependesse dos meus pais, eu ia ser o hétero mais hétero do mundo, eu ia gostar de homem, porque a vida inteira eu vi eles falando de homens bonitos e isso e aquilo. E outra: os meus pais queriam que eu fosse a princesinha. Então, não tinha sentindo nenhum eu ser ‘sapatão’”.

Karol de cabelo rosa. Foto – reprodução/Insta.

MAIS DA ATRIZ:

Aos 17 anos, ela passou no curso da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS). “Essa conquista é a realização de um sonho. Eu sempre quis fazer artes cênicas e estudar fora do Brasil. Era isso que eu ia fazer se eu não tivesse passado na faculdade”, disse ela, que adiou o plano de estudar em outro país por enquanto.

Hoje ela mora em uma república que fica em frente à sua faculdade: “É tipo um pensionato, uma casa com mais umas quatro pessoas. É bem grande, temos cozinha própria e a adaptação está sendo ótima”, contou ela ao Uol.

Criada por um tio, Fábio, e o marido dele, João Paulo, a quem chama de pais, a atriz revelou a cômica reação deles ao saberem que ela realmente foi aprovada.

“A reação dos meus pais foi meio de não acreditar porque eu nunca fui uma boa aluna na escola. Eles ficaram surpresos e depois me ajudaram a resolver logo a situação para eu poder ir embora”, lembrou ela, que ganhou até uma festa de despedida de sua melhor amiga, antes de partir para o Mato Grosso do Sul.

Considerado um de seus pais, Fábio desejou em rede social: “Uma nova etapa que se inicia, seja feliz na sua escolha, estaremos sempre aqui para te apoiar. Parabéns pela conquista!”.

Facebook Comments