Data de Hoje
9 December 2021

Final de “Babilônia” tem a pior audiência e fica atrás de antecessoras

O último capítulo de “Babilônia” rendeu 32,2 pontos de audiência à Globo, segundo dados prévios do Ibope. Essa é a pior audiência de um final de novela das nove no último ano. A Record ficou em segundo lugar com 9,1 e o SBT com 8,8 pontos em terceiro no confronto direto. Cada ponto é igual a 67 mil domicílios na Grande São Paulo.

A trama de Gilberto Braga, Ricardo Linhares e João Ximenes teve a menor média para uma novela do horário nobre (média de 25 pontos). A antecessora “Império” marcou 50 pontos no Rio e 46 em São Paulo no último capítulo, ou seja, “Babilônia” perdeu 18 pontos — equivale ao público da adolescente “Malhação”, que costuma alcançar o mesmo número às 18 horas.

“Em Família”, de Manoel Carlos obteve 37 pontos em São Paulo e 41 no Rio no final. Já “Amor à Vida”, de Walcyr Carrasco, que chegou ao fim em 31 de janeiro de 2014, alcançou 44 no Rio e 48 em São Paulo.

Durante cinco meses no ar, o folhetim chocou não só pelo beijo entre duas célebres atrizes – Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg –, como também pelas cenas de sexo entre Beatriz (Glória Pires) e seus parceiros. O personagem de Marcos Pasquim deixou de ser homossexual após uma pesquisa realizada por um grupo de discussão em São Paulo. As mulheres não o viam como gay.

Depois de várias mudanças, a aposta foi com a dupla cômica, o Marcos Veras e a Juliana Alves, com o auxílio do personagem de Igor Angelkorte. “Isso é novo para mim. Eu nunca fiz algo assim, meio chanchada. Vou investir nesse triângulo”, afirmou Gilberto Braga em entrevista ao jornal “O Globo” na época.

“Babilônia” registrou menos audiência do que a novela das 19h, “I Love Paraisópolis”, não apenas em São Paulo, como já ocorreu diversas vezes, mas também no Rio. Pior, a novela chegou a perder para “Malhação”.

Por: UOL

Facebook Comments