Data de Hoje
20 May 2022
Foto reprodução

Gari morto em Pernambués era traficante e suspeito de matar mulher, diz polícia

O gari morto a tiros no bairro de Pernambués, em Salvador, na manhã da última quarta-feira (8), era traficante e tinha envolvimento na morte de Ângela Margarete da Silva Oliveira, de 30 anos, no mesmo bairro. As informações são da Polícia Civil.

De acordo com a polícia, Sinval Nunes Sarmento, de 43 anos, foi executado com 12 tiros na cabeça, costas e tórax, no Largo da Ventosa. A polícia apura se a motivação do crime contra ele tem relação com a morte de Ângela Margarete, no dia 2 de março. O corpo da vítima foi encontrado no telhado de uma casa com perfurações de arma de fogo.

O suspeito usava a farda de uma prestadora do serviço à prefeitura de Salvador. Sinval respondia a um inquérito por roubo.

Ainda de acordo com a polícia, outros dois envolvidos na morte do Angêla já estão presos: João Victor Pedreira de Freitas, 18, e Alexsanderson Santos de Jesus, 19. A dupla foi flagrada com drogas, munição e dinheiro, no mesmo bairro onde os homicídios foram cometidos.

Alexsanderson foi preso na segunda-feira (7), por equipes da 1ª CIPM (Companhia Independente de Polícia Militar), de Pernambués. O suspeito estava com 20 trouxas de maconha e 16 pinos de cocaína. A morte de Sinval será investigado pelo DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa).

Inf: R7

 

 

 

Facebook Comments