Data de Hoje
27 May 2024

Gol suspende transporte de pets após incidente com Golden Retriever

Foto: Redes sociais

 

Na última terça-feira, 23 de abril, a companhia aérea Gol anunciou uma decisão impactante: a suspensão do transporte de animais no porão dos aviões, a partir de quarta-feira, 24. Essa medida drástica vem após o trágico incidente envolvendo o Golden Retriever Joca, de cinco anos.

 

Joca deveria embarcar no voo 1480 da Gol, saindo do Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, com destino ao Aeroporto Municipal de Sinop, no Mato Grosso. No entanto, um erro de roteamento colocou o cachorro em um voo com destino a Fortaleza, no Ceará. Seu tutor, João Fantazzini, só foi informado do engano ao chegar em Sinop, enquanto aguardava a chegada do animal.

 

O incidente ocorreu em um momento crucial, já que João e Joca estavam de mudança para Sorriso, também no Mato Grosso. Ambos embarcaram com a expectativa de chegarem juntos ao novo destino. No entanto, ao desembarcar, João foi confrontado com a trágica notícia da perda do seu fiel companheiro.

 

Diante desse cenário, a Gol se pronunciou sobre a suspensão temporária do transporte de animais no porão, como uma medida para revisão e possível melhoria nos protocolos de segurança e logística. Essa decisão visa evitar futuros incidentes e garantir a segurança e bem-estar dos animais de estimação que viajam pela companhia aérea.

 

A morte de Joca, o Golden Retriever que nunca chegou ao seu destino, não apenas abalou seu tutor, mas também gerou um debate sobre os procedimentos e responsabilidades das companhias aéreas no transporte de animais. A Gol prometeu revisar seus protocolos e colaborar com as autoridades para evitar que tragédias como essa se repitam no futuro.