Data de Hoje
20 September 2021
Inclusão do autista no mercado de trabalho/Foto: Reprodução

Inclusão do autista no mercado de trabalho

Tema será debatido em sessão especial sugerida por Everaldo Augusto, nesta sexta-feira (23)

“As intervenções para inclusão da pessoa com autismo no mercado de trabalho” é o tema de sessão especial que acontece nesta sexta-feira (23), às 8hs, no Plenário Cosme de Farias da Câmara Municipal de Salvador. A atividade é uma parceria do vereador Everaldo Augusto (PCdoB) com a Organização Não-Governamental Fantástico Mundo dos Autistas (Ong Projeto FAMA), que, com apoio de algumas instituições, oferece atendimento gratuito a autistas com o objetivo de desenvolver habilidades e interesses e capacitá-los para o mercado de trabalho.

Estarão presentes psicólogos e especialistas da aérea; representantes do Centro Estadual de Educação Pestalozzi da Bahia (CEEP); das secretarias municipais e estaduais de Saúde e Educação; do Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Estado da Bahia e da Secretaria do Trabalho, Renda, Emprego e Esporte (Setre).

Multas

Segundo a ONG, no mundo cerca de 70 milhões de pessoas têm Transtornos do Espectro Autista (TEA). No Brasil, a estimativa é de dois milhões de casos. TEA é uma condição geral para um grupo de desordens complexas do desenvolvimento do cérebro que ocorrem antes, durante ou logo após o nascimento. É caracterizada pela dificuldade na comunicação e comportamentos repetitivos.

Embora todas as pessoas com TEA partilhem dessas dificuldades, as intensidades são diferentes. Assim, essas diferenças podem existir desde o nascimento e serem óbvias para todos ou podem ser mais sutis e tornarem-se mais visíveis ao longo da vida.

Em 2012 a presidente Dilma Rousseff sancionou a Lei 12.764, que garante, entre outros, o acesso do autista ao mercado de trabalho, à educação e ensino profissionalizante. A Lei também estabelece multa de 3 a 20 salários mínimos para a instituição que recusar a matrícula.

Em Salvador os jovens encontram atendimento no CEEP e Projeto Fama. A Secretaria Estadual de Educação mantém convênio com a Federação Nacional das Sociedades Pestalozzi, Associação de Amigos do Autista da Bahia (AMA), Associação Educacional Sons do Silêncio, Instituto Psicopedagógico Bonfim, Federação Baiana das Instituições de Reabilitação e Associação de Pais e Amigos de Crianças e Adolescentes com Distúrbios de Comportamento.

Fonte: Ascom-CMS
Facebook Comments