Data de Hoje
3 August 2021

Itaú pode pagar R$ 20 milhões em indenização a funcionária que teve aborto em agência

Itaú pode pagar R$ 20 milhões em indenização a funcionária que teve aborto em agência

Foto: Reprodução

O Ministério Público do Trabalho em Palmas (MPT-TO) pediu na Justiça Trabalhista a condenação do Banco Itaú S. A. em R$ 20 milhões por dano moral coletivo. Segundo o Segundo do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Crédito do Tocantins (SINTEC-TO), uma empregada do banco passou mal e teve um aborto espontâneo. No entanto, mesmo ensanguentada, a funcionária não pode deixar a agência até terminar a tesouraria, três horas após o aborto. Leia mais na coluna Justiça
Facebook Comments