Data de Hoje
22 January 2022

ítima de atropelamento é sepultada sob comoção em Salvador

O corpo da atendente de telemarketing de 37 anos, Carla Beatriz Santana, atingida por um carro em um ponto de ônibus no Campo Grande, centro de Salvador, foi sepultado na tarde desta quinta-feira, 6, às 16h, no Cemitério Campo Santo, bairro da Federação.

Já a mãe da vítima, a doméstica Rita de Cássia Santana, que também foi atropelada pelo veículo, segue em coma induzido. “Estamos só na fé, ninguém nos dá esperança”, desabafa a irmã de Rita, Elza Cerqueira.

A 1ª Delegacia Circunscricional de Polícia – 1ª Dp, que recebeu a denúncia, ainda não falou sobre o caso por meio de entrevista ou nota institucional.

A Polícia Civil informou que a investigação está em curso. Cobrador, motorista do ônibus e motorista do carro foram ouvidos.

A família questiona o procedimento utilizado pelos agentes da lei, alegando erro de conduta por parte da Transalvador e Polícia Militar. A Transalvador se posicionou por meio de nota e informou que “segue rigorosamente os ritos legais”.

Facebook Comments