Data de Hoje
28 January 2022

Jovem de 20 anos é encontrado morto a tiros em matagal de Feira de Santana; ele foi preso por morte de PM em assalto

Corpo da vítima foi encontrado no loteamento Tangará. Segundo a polícia, jovem estava em liberdade provisória, após assassinato de sargento da reserva.

Um jovem de 20 anos foi encontrado morto com marcas de disparos de arma de fogo, por volta das 14h30 de domingo (25), na cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador. O corpo foi localizado no matagal do loteamento Tangará.

A vítima é Lucas Matias de Oliveira e ele tinha um revólver falso na cintura, segundo a Polícia Civil. Ele havia sido preso em março de 2017, por envolvimento na morte de um sargento da reserva da Polícia Militar, durante assalto a ônibus.

De acordo com a Polícia Civil, ainda não há informações de quem pode ter assassinado Lucas, nem a motivação para o crime. A polícia investiga também se Lucas foi morto no matagal, ou se o corpo foi levado para lá.

Ele estava detido no Presídio de Feira de Santana, mas teve liberdade provisória concedida recentemente. A polícia não soube detalhar quando.

G1 entrou em contato com a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) para saber quando Lucas teve liberdade concedida, e se ele foi um dos detentos do regime semiaberto liberados no final de setembro, mas ainda não recebeu resposta.

Sargento

Sargento da reserva foi morto a tiros em ônibus durante assalto — Foto: Divulgação/Polícia CivilSargento da reserva foi morto a tiros em ônibus durante assalto — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Sargento da reserva foi morto a tiros em ônibus durante assalto — Foto: Divulgação/Polícia Civil

O sargento da reserva da Polícia Militar, Adalberto Santos Silva, que tinha 56 anos, foi assassinado a tiros durante um assalto a ônibus na cidade de Feira de Santana. Ele foi baleado na cabeça, nas costas e em uma das pernas.

Na época, a Polícia Civil suspeitau que ele tenha reagido à abordagem, após ter sido reconhecido como policial militar pelos criminosos. Durante a ação, os criminosos atiraram no militar. Lucas foi preso em flagrante logo após o crime, com outros dois comparsas.

Facebook Comments