Data de Hoje
13 June 2024
Foto Reprodução

Laudo do caso do estupro não aponta indícios de violência

O laudo do caso do estupro da jovem de 16 anos no Rio de Janeiro, diz que a demora da jovem fazer o exame e acionar a polícia, foi determinante para que não fossem encontrados indícios de violência, além do resultado do exame de corpo de delito, a polícia fez também uma apuração no vídeo que foi divulgado nas redes sociais.

O Chefe de Polícia Civil, Fernando Veloso, disse que a perícia feita no vídeo traz respostas que podem contrariar o senso comum que vem sendo formado pelas pessoas sobre esse caso.

“Não há vestígios de sangue nenhum que se possa perceber pelas imagens que foram registradas. Os peritos já estão antecipando, alinhando algumas conclusões quanto ao ato de violência, quanto à coleta de espermatozoides, quanto às práticas sexuais que possam ter sido praticadas com ela ou não. Então, o laudo vai trazer algumas respostas que, de certa forma, vão contrariar o senso comum que vem sendo formado por pessoas que sequer assistiram ao vídeo”, concluiu Veloso.

Polícia faz operação para prender envolvidos em caso de estupro coletivo

A Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV) deflagrou nesta segunda-feira uma operação para cumprir seis mandados de prisão e outros de busca e apreensão expedidos na investigação do crime sofrido por uma adolescente de 16 anos, na Praça Seca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. A operação é coordenada pelos delegados Cristiana Onorato, titular da DCAV, e Ronaldo de Oliveira, diretor do Departamento Geral de Polícia Especializada (DGPE).

Há equipes na Cidade de Deus, no Recreio dos Bandeirantes, na Taquara, no Rola e na Praça Seca – todos os locais ficam na Zona Oeste da cidade. As ações contam com o apoio de outras unidades da Polícia Civil e, na Praça Seca, há também equipes da Polícia Militar. Ainda não há informações sobre presos.

Entre os que estão sendo procurados estão o jogador do Boavista Lucas Perdomo Duarte Santos; Sérgio Luiz da Silva Junior; Marcelo Miranda da Cruz Correa; Raphael Assis Duarte Belo; Michel Brasil da Silva; e Raí de Souza.

Foto Reprodução

Foto Reprodução

Por Click Notícias