Data de Hoje
26 October 2021

Linhas de ônibus sobrecarregadas serão reforçadas, promete secretário

Cerca de um terço das linhas de ônibus que operam em Salvador são responsáveis por 80% dos 1,3 milhão de usuários que utilizam o transporte público diariamente. A informação foi divulgada pelo secretário municipal de Mobilidade, Fábio Mota, durante o lançamento de uma nove versão do aplicativo CittaMobi, que além de identificar os horários e pontos dos veículos, também permite a emissão de um alerta de “incidente grave”. De acordo com o A Tarde, das 600 linhas existentes na capital baiana, 223 levam em média 1,04 milhão. Mota explicou que a identificação da sobrecarga foi possível graças ao acompanhamento feito pelo Centro de Controle Operacional (CCO), que monitora o sistema de ônibus da cidade. Segundo ele, os 67 trechos com as maiores demandas terão a frota reforçada. As linhas Jardim Santo Inácio-Pituba, Estação Mussurunga-São Joaquim e Engenho Velho da Federação-Nazaré, por exemplo, receberão acréscimo de um veículo cada. “São Paulo, que tem 11 milhões de habitantes, tem 600 linhas de ônibus, o mesmo que Salvador. Isso mostra que o problema não é a quantidade de linhas”, disse Mota. “A nossa ideia é que, no prazo de um ano, a gente vá melhorando linha por linha em cima da demanda. Agora, com esse elemento novo (a atualização do aplicativo), a gente tem maior interação do cidadão. Todas as informações passadas para o CCO serão base para a gente examinar aquela linha específica”, completou.

Por: Bahia Notícias

Facebook Comments