Data de Hoje
10 May 2021
Romildo Jesus de Oliveira, de 27 anos, e Edicléia Silva Santos, 23 (Foto: Divulgação / PC)

Mais duas pessoas envolvidas em sequestro de cabeleireira foram presas

O delegado Cleandro Pimenta, do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), anunciou, na tarde desta sexta-feira (4), a prisão de mais dois envolvidos no sequestro da cabeleireira Arlethe Patez, ocorrido em 22 de julho, no Costa Azul, quando saía do trabalho. Trata-se de Romildo Jesus de Oliveira, de 27 anos, e Edicléia Silva Santos, 23.

A dupla estava com mandado de prisão em aberto e se apresentou na Delegacia Territorial (DT), de Valença, na terça-feira (1ª). Romildo e Edicléia ficavam no cativeiro com Arlethe, na cidade de Teolândia, no sul da Bahia, distante 280 quilômetros de Salvador. A cabeleireira foi resgatada 11 dias depois por investigadores do Draco.

Outras seis pessoas já foram presas. Manoel Candido da Paes, de 46 anos, que revelou a localização do cativeiro de Arlethe, Inael Moura de Jesus, o “Baby”, 29, responsável por cuidar da refém, e o soldado PM Solemar Alves Campos, 41, lotado na 41ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Federação), e apontado como um dos mentores do sequestro.

Andresson Lopes de Oliveira, 35, companheiro de uma funcionária do salão da vítima, Filipe Assis Lima, 21, responsável por roubar o veículo, a pedido de Solemar, usado para sequestrar e conduzir Arlethe ao cativeiro, e José Evandro de Oliveira, 37, preso em 21 de agosto, na Rua Jardim Oliveira, na Engomadeira.

O líder da quadrilha, Damião dos Santos, 41, morreu durante confronto com policiais do Draco, na mesma data, naquele bairro. A polícia procura outros quatro envolvidos no sequestro que estão com mandado de prisão em aberto.

Facebook Comments