Data de Hoje
20 June 2021

McGregor rouba a cena em evento do UFC marcado por cabeçada e anúncios

Como era de se esperar, Conor McGregor roubou a cena na coletiva do UFC nesta sexta-feira (4), chamada de “Go Big”, que reuniu os principais nomes dos próximos eventos da organização. Campeão interino dos penas, o irlandês só não arrumou confusão com ele mesmo.

Para variar, sua vítima preferida foi José Aldo, adversário no próximo dia 12 de dezembro, valendo a unificação dos cinturões. A troca de farpas entre acabou resultando em uma pequena confusão.

Ao serem chamados por Dana White ao centro do palco para realizar a encarada, os dois encostaram a cabeça e começaram a trocar provocações. Neste momento, Aldo tentou dar uma “cabeçada” no rival, iniciando uma breve troca de empurrões entre eles.

Antes mesmo da encarada, os dois já estavam se estranhando. Aldo afirmou que o rival era apenas um “palhaço” e que seu trabalho era fazê-lo rir.

“Cada dia que passa, eu vejo que ele é um palhaço. Ele gosta de falar e as pessoas gostam de ouvir, porque riem da cara dele. Vejo-o como um nada. Uma pena que não pude lutar. Mas vou chegar e calar a boca dele no dia 12 de dezembro”, afirmou o brasileiro, sem deixar de ser rebatido por McGregor.

“O que tenho a dizer é que acho que não vou te ver de novo. Apertei sua mão e disse que ia ficar tudo bem. Só estou te deixando avisado: apareça no dia 12 de dezembro. Ele está com medo, então tenho que ser carinhoso para ver se ele aparece. Vou acabar com ele e a carreira dele”, atacou o irlandês.

Metralhadora afiada de McGregor

Engana-se quem pensa que apenas José Aldo é vítima das constantes provocações do irlandês. Nas últimas semanas, McGregor passou a afirmar que seu desejo era subir para a categoria dos leves depois de vencer Aldo e enfrentar Rafael dos Anjos.

 

Facebook Comments