Data de Hoje
3 March 2021

Medidas restritivas para Boca do Rio, Plataforma e Av. Joana Angélica, em Salvador, são adiadas

Em consequência das fortes chuvas que atingem Salvador desde a madrugada, as medidas restritivas (fechamento de estabelecimentos comerciais e interdição de ruas e avenidas) que passariam a valer a partir deste sábado (9) na Boca do Rio, Plataforma e Av. Joana Angélica foram adiadas para segunda-feira (11)

De acordo com o prefeito ACM Neto, as medidas são uma estratégia de regionalização das ações contra a propagação do coronavírus, a serem realizadas considerando duas vertentes: apoio e proteção aos moradores e restrição de atividades.

A medida será válida, inicialmente, por sete dias. Nos locais, o acesso será permitido apenas a moradores, com apresentação do comprovante de residência. Todas as atividades comerciais formais e informais estarão proibidas, exceto supermercados, farmácias, bancos e agências lotéricas.

Em relação aos veículos, a restrição viária vai ocorrer das 7h às 19h. Os veículos do transporte coletivo, por sua vez, terão acesso normal às localidades. Serão instaladas barreiras, e a fiscalização será feita por agentes da Superintendência de Trânsito (Transalvador), Guarda Civil Municipal (GCM) e Polícia Militar da Bahia (PM-BA).

Além disso, a prefeitura realizará algumas ações no locais impactos pelas restrições: distribuição de máscaras à população local; aplicação de testes rápidos em postos fixos; medição de temperatura e ações de higienização nas ruas e de enfrentamento ao Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya. Também serão levados os serviços do Centro de Referência e Assistência Social (Cras) para atendimento à população.

Facebook Comments