Data de Hoje
30 November 2021
Um caminhão foi usado para bloquear a pista durante o protesto em Fazenda Coutos (Foto: Reprodução / TV Record)

Moradores fazem protesto contra morte de jovem no Subúrbio

Moradores de Fazenda Coutos realizaram uma manifestação nesta quarta-feira, 14, pedindo por paz. Eles reclamam da violência policial no bairro após o jovem Jonatas Maia Batistas, 22 anos, morrer durante um tiroteio com a polícia. A ocorrência foi registrada na noite desta terça-feira, 13.

Os manifestantes colocaram fogo em pneus e atravessaram um caminhão e um ônibus na pista para bloquear a BA-528, nos dois sentidos. Com isso, o trânsito no local ficou congestionado. Equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas para apagar as chamas.

O ato foi iniciado no fim desta manhã e terminou por volta das 12h30, depois da intervenção da Polícia Militar, que negociou o fim da manifestação com os moradores. Os veículos já foram retirados da via.

Morte de jovem

Os manifestantes afirmam que a vítima não tinha envolvimento com a criminalidade e que, por isso, a revolta dos moradores com a polícia.

O grupo escreveu a palavra “paz” na pista, além de segurar cartazes com mensagens que demonstravam indignação.

Versão da PM

A Polícia Militar divulgou uma nota, na manhã desta quarta, informando que Jonatas morreu por volta das 20h30, após ele e outras seis pessoas efetuarem disparos de arma de fogo contra guarnições da Companhia Independente de Policiamento Tático (CIPT/Rondesp) na rua B, local conhecido como Madeirite, na Estrada do Derba, sentido São Tomé de Paripe.

Ele ainda foi socorrido para uma unidade hospitalar, mas não resistiu aos ferimentos. O caso foi registrado na Corregedoria da Polícia Militar, onde o material apreendido foi levado.

Por A Tarde
Facebook Comments