Data de Hoje
26 September 2021

MP pede prisão de acusado de estuprar os filhos em Ilhéus

O Ministério Público estadual, por meio do promotor de Justiça Olivan Costa Leal, pediu a prisão preventiva de José de Souza Mendes, denunciado pelos crimes de estupro, atentado violento ao pudor, corrupção de menores, ameaça e por submeter a vexame ou constrangimento os próprios filhos e filhas, todos crianças na época dos crimes, cometidos no distrito de Couto, em Ilhéus, na casa da família. O promotor de Justiça ressalta que “os delitos foram praticados antes da última alteração do Código Penal e, portanto, tipificados com sua redação antiga”.

De acordo com a denúncia, os crimes foram cometidos pelo pai sem o conhecimento da mãe que, quando descobriu o que acontecia, no ano de 2009, fugiu de casa com os filhos. Na época em que os crimes teriam começado a ser cometidos, as três filhas tinham doze, oito e cinco anos de idade e os filhos, onze e dez anos. “As meninas eram abusadas sexualmente pelo denunciado, enquanto os filhos eram obrigados a assitir, sempre mediante violência e até ameaças de morte”, ressaltou Olivan Leal, acrescentando que os abusos foram cometidos durante anos. Desde que a família prestou queixa crime à Polícia, o acusado vem sendo procurado para prestar depoimento, sem ter sido localizado, razão pela qual o promotor pediu a prisão preventiva.

Facebook Comments