Data de Hoje
12 May 2021
Conhecida no 'mundo do crime’ como Carolzinha é morta após balear PMs

Mulher conhecida no ‘mundo do crime’ é morta após balear PMs em Betim

Conhecida no ‘mundo do crime’, Sarah Carolina da Silva Souza, 19, conhecida como “Carolzinha” foi morta por policiais militares, durante a madrugada desta quarta-feira (3), em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte. Ela teria atirado contra dois policias, ao passar por uma viatura em patrulhamento, na avenida Tapajós, no bairro São Caetano.

De acordo com a Polícia Militar (PM), acontecia um baile funk na região e muitos suspeitos de crimes estariam no local. Quando os policias chegaram, se depararam com muitas pessoas correndo. Os militares realizaram abordagens e uma das pessoas paradas foi a “Carolzinha”. Ela teria cuspido na cara do militar e conseguido fugir, fazendo ameaças.

Mais tarde, ela teria passado em uma moto, pilotada por um homem, próximo a duas viaturas e atirou contra os PMs. Um deles foi atingido no joelho e o outro no peito, protegido pelo colete à prova de balas. Os policiais foram socorridos primeiro para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e depois foram transferidos para o Hospital João XXIII . Eles não correm risco de morte.

12642749_977161272366691_3632243664583868268_n

Registros de Carolzinha no IML (Foto: Reprodução)

Outros policiais continuaram em rastreamento para deter a jovem, que ao se deparar com PMs na saída de um beco, apontou uma arma semiautomática, mas foi atingida por três tiros da polícia e morreu no local.

Foi apreendida uma pistola calibre 380, que teria sido usada por “Carolzinha” para disparar pelo menos dez vezes contra os militares.

Segundo a Polícia Civil, a jovem tinha passagens na polícia por roubo, tráfico de drogas e corrupção de menores.

12644745_977161719033313_3242624324266031311_n (1)

Registros de Carolzinha no IML (Foto: Reprodução)

Por: Plantão Policial
Facebook Comments