Data de Hoje
20 September 2021
Foto: Arquivo Click Notícias

“Não é novidade”, alfineta Hilton sobre cabo eleitoral nas subprefeituras

Após a declaração do coordenador geral das prefeituras-bairro do prefeito ACM Neto, Reinaldo Braga Filho, de que nas unidades pode ter cabo eleitoral, o vereador Hilton Coelho (Psol) criticou o aparelhamento. Em entrevista, o legislador disse não ter dúvida de que as extensões da prefeitura são uma forma de alocar cabos eleitorais.

“Eu diria que Neto hoje está construindo uma rede de cabos eleitorais. Na verdade, a prefeitura-bairro não é uma novidade. O que ele fez foi uma ampliação. Um indício muito forte disso foi o que ele chama de agentes da educação. O prefeito criou uma espécie de exército de pessoas que vão estar no espaço da sala de aula e que vão simplesmente repetir tarefas que são dos professores”, disse o vereador, alegando que os agentes citados são uma forma de a prefeitura manter um vínculo com as comunidades.

À rádio Metrópole FM, Braga Filho também comentou a atuação de dois líderes comunitários em algumas localidades. “Fizemos uma eleição de Conselho Comunitário, tem dois líderes que foram eleitos e participam como funcionários. Uma coisa que o prefeito fez, que no início eu duvidei mas ele provou que é um homem de palavra e disse ‘você não vai receber nenhum pedido meu para colocar na Prefeitura-bairro, nem nenhum vereador nem liderança vai indicar'”, lembra.

E continua: “No Cabula, tem Doutor Miguel, funcionário de carreira da Sucop. O prefeito me chamou e disse: ‘Você conheceu? Gostou do trabalho? A responsabilidade é sua’. Raimundo, subprefeito da Barra/Pituba, o prefeito também não conhecia. Então, muitos o prefeito nem conhecia. Outros ele me ligou e dizia: ‘estou lhe mandando três currículos; você me traga um nome para nomear’. Comigo, ele sempre foi muito direto e disse que a responsabilidade seria minha”, finaliza.

Por Aparecido Silva / Bocão News
Facebook Comments